A menina que brincava com fogo

  • Segundo livro da Trilogia Millennium

ameninaquebrincava

O segundo volume da trilogia Millennium tem como fio condutor a personalidade complexa e os segredos ocultos de Lisbeth Salander, a jovem e destemida hacker que agora é acusada de três assassinatos brutais

“N√£o h√° inocentes. Apenas diferentes graus de responsabilidade”, raciocina Lisbeth Salander, protagonista de A menina que brincava com fogo, de Stieg Larsson. O autor ‚ÄĒ um jornalista sueco especializado em desmascarar organiza√ß√Ķes de extrema direita em seu pa√≠s ‚ÄĒ morreu sem presenciar o sucesso de sua premiada saga policial, que j√° vendeu mais de 10 milh√Ķes de exemplares no mundo.
Nada √© o que parece ser nas hist√≥rias de Larsson. A pr√≥pria Lisbeth parece uma garota fr√°gil, mas √© uma mulher determinada, ardilosa, perita tanto nas artimanhas da ciberpirataria quanto nas t√°ticas do pugilismo, e sabe atacar com precis√£o quando se v√™ acuada. Mikael Blomkvist pode parecer apenas um jornalista em busca de um furo, mas no fundo √© um investigador obstinado em desenterrar os crimes obscuros da sociedade sueca, sejam os cometidos por rep√≥rteres sensacionalistas, sejam os praticados por magistrados corruptos ou ainda aqueles perpetrados por lobos em pele de cordeiro. Um destes, o tutor de Lisbeth, foi morto a tiros. Na mesma noite, contudo, dois cordeiros tamb√©m foram assassinados: um jornalista e uma criminologista que estavam prestes a denunciar uma rede de tr√°fico de mulheres. A arma usada nos crimes ‚ÄĒ um Colt 45 Magnum ‚ÄĒ n√£o s√≥ foi a mesma como nela foram encontradas as impress√Ķes digitais de Lisbeth. Procurada por triplo homic√≠dio, a mo√ßa desaparece. Mikael sabe que ela est√° apenas esperando o momento certo para provar que n√£o √© culpada e fazer justi√ßa a seu modo. Mas ele tamb√©m sabe que precisa encontr√°-la o mais r√°pido poss√≠vel, pois mesmo uma jovem t√£o talentosa pode deparar-se com inimigos muito mais formid√°veis ‚ÄĒ e que, se a pol√≠cia ou os bandidos a acharem primeiro, o resultado pode ser funesto, para ambos os lados.
A menina que brincava com fogo segue as regras cl√°ssicas dos melhores thrillers, aplicando-as a elementos contempor√Ęneos, como as novas tecnologias e os √≠cones da cultura pop. O resultado √© um romance ao mesmo tempo movimentado e sangrento, intrigante e imposs√≠vel de ser deixado de lado.

Romance
Tradução: Dorothée de Bruchard
608 pp.
R$ 39,50

comprar

Envie este post para um amigo Envie este post para um amigo

4 coment√°rios para “A menina que brincava com fogo”

  1. Paula , em 9 de novembro, 2009, às 22:08 disse:

    Esse segundo livro é ainda melhor que o primeiro.
    Quando vc menos espera, ele d√° uma reviravolta no enredo e surpreende o leitor!
    Li em menos de 5 dias. Impossível de largar.
    Estou anciosa para ler o 3.
    Pena que n√£o teremos mais de Stieg Larsson. Com certeza um perda!

  2. Cristiane Giglio Lamas , em 7 de outubro, 2009, às 12:38 disse:

    Estou lendo o livro e cada vez mais fico fascinada. A verdade √© que eu n√£o consigo parar de ler. Eu leio antes de dormir e acordo de madrugada para continuar a ler, porque eu sonho com a hist√≥ria. √Č realmente fascinante. Eu comecei a ler o livro h√° quatro dias e j√° estou quase terminando (s√£o mais de 600 p√°ginas). √Č um v√≠cio.

  3. Jefferson , em 5 de outubro, 2009, às 1:24 disse:

    Cada dia que leio o livro me sinto mais fascinado e apaixonado pelo enredo enlouquecedor da trilogia MILLENIUM . J√° li o 1¬ļ. livro e breve terminarei o 2¬ļ livro da trilogia . Estou estupefato e cada vez mais viciado em LISBETH SALANDER e MIKAEL BLOMKVIST .

  4. Antonio Marcos dos Santos Dias , em 4 de outubro, 2009, às 12:52 disse:

    Este segundo volume, sem coment√°rios!!!!!!!!!!!!!

    parece que vc est√° dentro dele!!!!!!!!

    muito bom mesmo.

    Meus parabéns novamente Stieg Larsson!!!!

    Vc é o cara! rsrsrs

    Marc√£o!!!!

Deixe um coment√°rio